Positividade tóxica: o perigo de estar feliz todos os dias.

Fenômeno crescente e cada vez mais comum na sociedade, a positividade tóxica é prejudicial sobre vários aspectos. Confira a seguir porque isso é um problema.
Anúncios


Positividade tóxica
Fonte: Google
Anúncios


Estamos acostumados a ouvir: se é positivo, então é bom, certo? É dessa forma que costumeiramente somos incentivados a perceber os eventos da vida. “Seja positivo”, é o que nos instruem a ser, frente as dificuldades e desafios. “Cultive a positividade”, é outro “mantra” que ouvimos ser sugerido com certa frequência quando o assunto é lidar com o pessimismo.

Basicamente, todas essas citações, além de outras, equivale a dizer: não fique abatido, não se permita abalar, mesmo diante de circunstâncias difíceis e desafiadoras mantenha o sorriso no rosto, no final tudo vai dar certo.  No entanto, esse contexto resta uma pergunta a fazer: nunca haverá espaço para tristeza e dor sem que tentemos rapidamente anestesiá-las?

Anúncios


Bem, saiba que essa tendencia de evitar ao máximo momentos desconfortáveis e dolorosos está, em alguma medida, “sequestrando” você do direito de sentir-se abalado, triste, ou qualquer outro sentimento que faz parte da experiência humana nesse sentido. Se você se sente refém dessa tentativa de torná-lo feliz a todo momento, provavelmente você é mais uma das vítimas da denominada “positividade tóxica”.

Em outras palavras, a positividade tóxica é considerada um fenômeno recente que é caracterizado especialmente pela idealização do positivo, onde a pessoa pensa que não seja normal não estar bem todos os dias.

Quer saber um pouco mais sobre positividade tóxica? Continue com a leitura do artigo e saiba o que é, a diferença entre positividade e otimismo, e o problema em se concentrar apenas no positivo.  Confira!

O que é positividade tóxica?

Segundo Daniel Martins de Barros, psiquiatra que faz parte do Departamento de Psiquiatria da USP, entende-se a positividade tóxica como um fenômeno que nega a tristeza e outras emoções que são vistas como negativas.

Anúncios


Dessa forma, a positividade tóxica simplesmente opta por ignorar eventos ruins que ocorrem ao longo da vida, fazendo com que a pessoa crie uma espécie de realidade paralela sem a presença do sofrimento. Muitos consideram isso bom, no entanto, de bom não tem nada. Pois essa ideia pode ocasionar muitos danos.

Especialistas da área sustentam que quando nós ignoramos os sentimentos ruins (necessários para o desenvolvimento humano), passa a haver dificuldade de acessá-los, até o momento em não conseguimos identificá-los mais.

Positividade tóxica x otimismo

Positividade tóxica
Fonte: Google

É comum a maioria das pessoas confundirem essas duas coisas, como se elas fossem uma única, mas não é! Ser otimista, ter fé, acreditar, significa enfrentar os problemas da vida comum diariamente com a consciência de que estamos sujeitos a ter êxitos e insucessos e que é possível superar.

Anúncios


Porém, é preciso que passemos por esses momentos de modo que possamos aprender lições diferentes que favorecerão nosso amadurecimento. Se não houver frio, não valorizamos o calor. Se não houver doenças, desprezamos a importância da saúde. Compreende?

Já a positividade tóxica procura ignorar toda e qualquer situação de problema e enxerga somente “o bom da vida”. Essa perspectiva dificulta a visualização dos problemas e faz com que tenhamos uma vida mais superficial. Assim, tendemos a nos tornar ainda mais imaturos e irresponsáveis do ponto de vista emocional.

O problema de concentrar apenas no positivo

A positividade tóxica se sustenta sob a premissa de que podemos ter uma melhor qualidade de vida se simplesmente eliminarmos tudo que é negativo da nossa vida. Existe até mesmo aqueles que acreditam que “pensar positivo” é o suficiente para garantir que nada de ruim irá acontecer.

Anúncios


Contudo, estamos inseridos em uma realidade onde situações ruins e desagradáveis acontecem com razoável frequência e que não é possível estar feliz todo dia ou toda hora, muito menos ficar pensando positivo durante todo o dia. Diversas vezes conseguir perceber um lado positivo em meio a uma situação negativa é por si só um grande desafio.

O problema da positividade toxica é que negar todos os eventos desagraveis da vida tem o seu preço. Reprimir sentimentos considerados negativos durante longos períodos faz com que eles possam ressurgir em algum outro momento com uma intensidade muito maior e é nessas horas que a maioria das pessoas que adotam essa postura “explodem” todos os sentimentos desagradáveis.

Conclusão

Problemas, eventos desagradáveis, momentos ruins, sentimentos negativos, entre outras coisas, fazem parte da vida. O fato de tentar viver como se eles não existissem não os fará deixar de existir, tampouco irá ajudar na lida diante dessas questões.

Anúncios


Ou seja, quanto mais a vida normal é encarada com uma perspectiva correta da realidade maiores são as chances de não incorremos em adoecimento psicológico.

Gostou do artigo? Compartilha com seus amigos, em suas redes sociais e ainda com os seus familiares. Não esqueça de ler outros artigos sobre o assunto aqui no blog relacionados a finanças, investimentos, empréstimos, bancos digitais e cartão de crédito.